TOPO

“São Sebastião, SP: o que fazer, onde se hospedar e dicas”

Com uma beleza natural que se destaca ao unir praias paradisíacas com a Mata Atlântica preservada, há muito o que fazer em São Sebastião. Não é por menos que essa é a região de praia mais procurada do estado de São Paulo.

Não importa se você está em busca de agito ou sossego, conforto ou rusticidade, se prefere boas ondas para surfar ou um mar piscina. São Sebastião consegue agradar a todos os gostos e estilos.

Excelentes pousadas, restaurantes assinados por chefes renomados e atividades de lazer se unem à sua exuberante natureza e entregam experiências únicas aos seus visitantes.

Como moradora temporária desse pequeno paraíso, onde me instalei por cinco meses, vou compartilhar neste post dicas que vão te ajudar a montar um roteiro incrível por essa região do litoral norte de São Paulo.

ONDE FICA SÃO SEBASTIÃO?

São Sebastião é um município do litoral norte de São Paulo e um dos destinos de praia mais visitados do estado. Distante 200 km da capital paulista, conta com 100 quilômetros de orla.

Confira no mapa onde fica São Sebastião – SP:

COMO CHEGAR E SE LOCOMOVER

Planejar o melhor trajeto para chegar a São Sebastião dependerá de qual região da cidade você se hospedará. Isso porque o município é extenso, distribuído por 100 km de costa litorânea.

As melhores formas de chegar até o litoral norte de São Paulo são de carro ou ônibus. Mas tenha em mente que se locomover pelas diversas praias de São Sebastião sem carro pode ser uma tarefa difícil. Por mais que exista uma linha de ônibus local que ligue as praias do município, a Ecobus, ela não é eficaz, já que são poucos os veículos e com horários restritos.

De carro

Partindo de São Paulo com destino ao sul de São Sebastião (da praia de Boraceia até a altura da praia de Paúba) você tem duas opções.

Uma é descer a serra do mar via Rodovia dos Imigrantes e de lá seguir pela Rio-Santos sentido norte.

A outra opção é pegar a Ayrton Senna ou a Dutra até Mogi das Cruzes e descer para o litoral pela Mogi-Bertioga. Após, pegar a Rio-Santos também sentido norte até a sua praia de destino.

Caso seu destino final em São Sebastião seja entre o centro da cidade e a divisa com Caraguatatuba, siga pela Rodovia Ayrton Senna – Carvalho Pinto até São José dos Campos. De lá, desça a serra via Rodovia dos Tamoios e pegue a Rio-Santos sentido sul. São apenas 25 km até o centro de São Sebastião.

De ônibus

Para quem parte de São Paulo de ônibus, a viação Pássaro Marrom liga a rodoviária do Tietê e o Aeroporto de Guarulhos às principais praias de São Sebastião.

Há terminais rodoviários em Boiçucanga e no centro da cidade, mas é possível embarcar e desembarcar do ônibus nos trevos de acesso da Rodovia Rio-Santos com outras praias do município, como Barra do Una, Juquehy, Maresias e Camburi.


Uma dica é alugar um carro caso deseje tornar a sua viagem mais cômoda. Estar de carro te dará muito mais liberdade para curtir as praias do destino. Na nossa parceira Rent Cars você pode comparar o valor de todas as locadoras e alugar um carro com desconto.

QUANDO VISITAR SÃO SEBASTIÃO

Por estar próxima de São Paulo e de outras grandes cidades do interior paulista, São Sebastião recebe turistas durante todo o ano, principalmente nos feriados e férias escolares.

A alta temporada em São Sebastião vai de dezembro até o Carnaval, quando as temperaturas estão mais altas e a cidade recebe grandes festas. Mas é também o período que você encontrará as praias mais cheias, as hospedagens mais caras e o trânsito carregado.

Os melhores meses para ainda aproveitar o calor e driblar o alto movimento de turistas são outubro, novembro, março e abril. Além de conseguir melhores preços e evitar o temido congestionamento, você escapa dos meses mais úmidos do alto verão, quando as chuvas são comuns na região.

Como o clima em São Sebastião é ameno no decorrer de todo o ano, mesmo entre os meses de maio e setembro, quando as temperaturas caem, ainda é possível aproveitar o destino. Caminhar pelas praias, fazer trilhas, conseguir preços mais baratos em hospedagens e curtir esse paraíso praticamente só para você são algumas das vantagens de ir para São Sebastião na baixa temporada.

QUANTO TEMPO FICAR EM SÃO SEBASTIÃO

Uma viagem para São Sebastião se encaixa tanto como refúgio de fim de semana quanto para passar longas férias. Afinal, são mais de 30 praias para desbravar, sem mencionar as trilhas, cachoeiras e outras atividades que a cidade proporciona.

Por mais que você possa dividir o destino em várias pequenas viagens para conhecer aos poucos cada cantinho dos seus 100 km de litoral, a dica é ficar uma semana em São Sebastião.

Com esse tempo na cidade é possível montar um roteiro para aproveitar as praias mais famosas e curtir as principais atrações sem pressa.

ONDE SE HOSPEDAR EM SÃO SEBASTIÃO

Antes de decidir onde ficar em São Sebastião, é importante entender qual das praias da cidade vai ao encontro com o que você busca.

Maresias e Comburi atraem o público mais jovem e os surfistas. Enquanto Maresias leva a fama de badalada e com vida noturna agitada, Camburi atrai aqueles que estão em busca de bons barzinhos com música ao vivo em um ambiente mais rústico.

Juquehy recebe um público variado, entre jovens e família. Seu estilo de vila chique é famoso pelas opções gastronômicas e oferece ótima infraestrutura de pousadas e comércio.

Boiçucanga é ideal para quem quer uma praia com mais cara de cidade, além de estar em uma localização estratégica para conhecer outras praias de São Sebastião.

Viajando com crianças? As regiões de Toque Toque Grande, Toque Toque Pequeno, Paúba e Barequeçaba garantem o mar calminho. Outras boas opções são Barra do Una e Barra do Sahy, que preservam o estilo simples e tranquilo de vila de pescador.

A seguir, separamos algumas indicações de pousadas e hotéis em São Sebastião:

Econômico:
  • Em Maresias, a Pousada Raio de Sol oferece acomodações simples e completas, com cozinha compacta em alguns quartos. Inclui café da manhã nas diárias e está perto da praia.
  • A Pousada Ipê é outra boa opção de hospedagem econômica sem abrir mão do conforto. Ela fica no centro de São Sebastião, inclui café da manhã e ocupa uma casa colonial charmosa.
  • Se busca um bom hostel, o Flow Hostel fica em Juquehy e conta com quartos compartilhados e privativos, além de incluir café da manhã e cozinha de uso comunitário.
  • Outra boa escolha é o Laika Hostel localizado em Camburi. Em um ambiente moderno, oferece suítes privativas e quartos compartilhados, além de amplas áreas comuns perfeitas para socializar.

Bom custo-benefício
  • Juquehy conta com excelentes pousadas com boa relação custo-benefício. Entre elas estão a Recanto dos Tangarás, a Pousada Terra Juquehy e a Pousada Pono Village. Todas estão bem localizadas, tem boa estrutura e incluem café da manhã.
  • Em Toque Toque Grande, o Bougainville fica rodeado pela mata, trazendo a sensação de isolamento completo, e está distante 300 metros da praia. Oferece café da manhã e piscina ao ar livre.
  • A Pousada Una tem a vantagem de estar a um passo do Rio Una e a um passo do mar. Com quartos confortáveis, conta com piscina, sauna e café da manhã.

Conforto
  • Em Camburi, a Pousada Canto do Camburi é charmosa e perfeita para relaxar. Com quartos confortáveis, tem piscina ao ar livre, jardim, café da manhã com produtos locais, além de serviço de praia.
  • Nesse mesmo padrão, em Maresias, a Casa Ka oferece conforto e privacidade em um cantinho aconchegante e cheio de estilo entre a mata e a praia.
  • Na pequena praia de Paúba, a Pousada Vila Ipuan é nova, com quartos amplos e instalações modernas. O farto café da manhã recebe destaque entre os elogios dos hóspedes, além de toda a atenção e receptividade da equipe.
  • Se quer algo mais reservado e refinado, a sugestão é o Ilha de Toque Toque Eco Boutique Hotel & Spa. Localizado em Toque Toque Grande, o hotel é elegante, conta com vista para o mar de tirar o fôlego e tem opções de suítes com banheira de hidromassagem na varanda. Oferece piscina ao ar livre, sauna e spa. Você pode escolher ter apenas o café da manhã incluso ou também o jantar.

O QUE FAZER EM SÃO SEBASTIÃO

Explorar as praias

O que fazer em São Sebastião, SP: conhecer as praias

Praia de Maresias, em São Sebastião – SP. Foto: SETUR São Sebastião

As praias são as principais atrações de São Sebastião. E você tem mais de 30 opções disponíveis para ocupar seus dias por aqui. Portanto, o ideal é escolher aquelas que mais combinam com seu estilo para preencher seu roteiro.

Se busca algo rústico com ares de vila de pescador, vá para a Barra do Sahy ou Barra do Una. Além das suas vielas de terra batida e charmosas casas coloniais, você poderá desfrutar de um delicioso banho de rio. Na Barra do Una você pode alugar caiaque ou prancha de SUP e desbravar rio adentro.

Em Camburi e Camburizinho, além do estilo rústico você encontrará restaurantes de chefes renomados para agregar ao passeio. Camburi também é o destino certeiro para os surfistas, que divide com Maresias o posto de praia da região com melhores ondas. Além do surfe, Maresias é jovial e badalada. Sua orla tem bons bares que garantem animação até o pôr do sol ao som de Djs.

A ponta esquerda da praia de Juquehy é ideal para famílias com crianças divido ao mar calmo. Já a ponta direita chama a atenção dos surfistas com a boa formação de ondas. Ainda assim, como as ondas não tão grandes, Juquehy é perfeita para aqueles que desejam aprender a surfar.

Se busca por praias mais reservadas e pequenas, boas escolhas são Calhetas, Paúba, Engenho, Praia do Santiago, Jureia, Toque Toque Grande, Toque Toque Pequeno e Barequeçaba. Outra dica é a Praia Preta, que fica entre Juquehy e Barra do Sahy e para chegar até ela é preciso estacionar o carro em um recuo da própria Rodovia Rio-Santos e fazer uma curta caminhada.

Passeio de lancha

Passeio de lancha em São Sebastião: Ilha dos Gatos, As Ilhas e Ilha das Couves

Ilha dos Gatos, em São Sebastião. Foto: SETUR São Sebastião

Considerado um dos passeios de barco mais bonitos de São Paulo, nele você conhece três ilhas paradisíacas: As Ilhas, Ilha das Couves e Ilha dos Gatos. Há parada para mergulho em todas elas e nos meses de verão, se tiver sorte, conseguirá ver golfinhos. As saídas acontecem das marinas de Boiçucanga e da Barra do Una e tem duração de até quatro horas.

Outra sugestão de passeio de lancha em São Sebastião é a Ilha Montão do Trigo, que é povoada por uma antiga e hospitaleira comunidade caiçara. Lá, a atração principal é sem dúvidas o mergulho de cilindro, quando poderá se encantar pela beleza marinha preservada.

Trilhas e cachoeiras

Trilhas e cachoeiras no litoral de São Paulo

Cachoeira no Ribeirão de Itu. Foto: MTur Destinos via Flickr

Nem só de praias é feito São Sebastião. Cercada pela Mata Atlântica, a cidade conta com excelentes trilhas e cachoeiras dentro do Parque Estadual da Serra do Mar.

Uma das mais pedidas é a trilha para a Cachoeira do Ribeirão de Itu, em Boiçucanga. A trilha leva a três quedas d’águas. Para chegar às duas primeiras (Pedra Lisa e Hidromassagem) o nível de dificuldade é considerado fácil. Já para a terceira (Samambaiaçu) a caminhada fica mais íngreme e exige esforço extra dos participantes. O tempo de passeio é de três horas e é recomendável ir acompanhado de um guia.

A trilha Cachoeiras de Camburi entra na lista como outra boa sugestão de o que fazer em São Sebastião. Percorrendo a área conhecida como Sertão do Cacau, um trajeto sem grandes dificuldades dentro do vale que corta a serra do mar levará a três cachoeiras perfeitas para um mergulho. O caminho é bem sinalizado e não há a necessidade de guia.

Por fim, a trilha da Praia Brava não leva para uma cachoeira, mas para uma das praias mais preservadas do litoral paulista. Entre as praias de Maresias e Boiçucanga, para chegar até esse paraíso intocado de areia branquinha e mar azul cristalino é preciso percorrer uma trilha de 4 km. Chegar até a praia é a parte mais fácil, já que será uma grande descida. Na volta é quando a dificuldade aumenta. Haja subida! Não é necessário acompanhamento de guia, mas não deixe de levar em uma mochila muita água e comida, já que na Praia Brava não tem comércio.

Centro histórico de São Sebastião

Centro Histórico de São Sebastião, SP

Centro histórico de São Sebastião. Foto: Marcelo Augusto Pedromonico via Wikimedia Commons

O centro de São Sebastião abriga muita história por trás dos seus conservados casarões coloniais datados dos séculos XVII e XVIII.

Percorra a Rua da Praia e se encante com a Igreja Matriz de São Sebastião, a Casa de Câmara e Cadeia Pública, a Capela de São Gonçalo que hoje é um museu de Arte Sacra e a Casa Esperança, onde abriga um centro cultural. Um passeio perfeito para o final de tarde.

Roteiro gastronômico

O avanço do turismo em São Sebastião trouxe para as praias da cidade restaurantes que valem a pena serem inseridos no roteiro.

Entre eles está o Taioba Gastronomia, em Camburi, que traz a cozinha caiçara cheia de estilo e autenticidade. Outro destaque é o Acqua, que com clima romântico e intimista é uma ótima opção para ir em casal.

O Badauê é famoso por seus pratos de pescados e frutos do mar bem elaborados, além do extenso cardápio de drinks com frutas típicas de região. Você encontra o restaurante em Maresias e em Juquehy. Ainda em Juquehy vale colocar na sua lista o restaurante Bistrô, de ares românticos, e o Chapéu do Sol, que serve excelentes pizzas de frente para o mar.

Se busca por algo sem o clima de sofisticação mas ainda assim com comida de primeira qualidade, a dica é ir ao Giselle Restaurante e Bar, na Barra do Una. Com vista para o rio, aqui você come peixes bem preparados, frescos e o melhor, sem miséria.

Vida noturna

Vida noturna no litoral de São Paulo

Foto: Sirena

O Sirena, em Maresias, está entre as casas noturnas mais conhecidas daqueles que preferem grandes festas e música eletrônica. Mas há também o Santo Gole, com música ao vivo e que agrada principalmente o público roqueiro.

O Chope com Escama, em Juquehy, tem um estilo bar pé na areia e recebe às sextas e sábados bandas que tocam brasilidades. Entre Juquehy e a Praia Preta, o Banana’s Beach Club une o melhor do ambiente praiano. De frente para o mar, com uma linda vista, recebe Djs e bandas ao vivo.

Baixe o mapa

Quer ter todas essas dicas na palma da sua mão? Baixe aqui o mapa completo com as atrações que citamos neste post:

São Sebastião é de fato um cantinho especial do litoral de São Paulo, capaz de encantar os mais variados estilos de praieiros. Seja na calmaria da praia de Calhetas ou no agito de Maresias, sempre terá o que fazer em São Sebastião para preencher seus dias.

Tags:    

«
»