TOPO

“Onde ficar em São Paulo: melhores bairros e dicas de hotéis”

Onde ficar em São Paulo: Avenida Paulista

Decidir onde ficar em São Paulo pode parecer uma missão complexa.

A verdade é que a capital paulista é uma cidade com diversas camadas e, por isso, a escolha que agrada um também pode arruinar a viagem do outro. 

Mas, seja a sua viagem a turismo ou trabalho, é importante pensar em alguns critérios para fazer uma boa escolha. Dentre eles, pontuamos como principais: facilidade de locomoção, segurança e atividades nos arredores.

O ponto positivo é que “sampa” possui inúmeras opções de hospedagem e atende a todos os públicos e bolsos.

E, para te ajudar na decisão, neste post falaremos das principais regiões para se hospedar em São Paulo e daremos várias dicas de hotéis.

MELHORES BAIRROS E DICAS DE HOTÉIS EM SÃO PAULO

Existem alguns bairros conhecidos por receberem mais visitantes, seja por serem centrais, pela boa infraestrutura ou pela tradição.

As escolhas não são à toa! 

As sugestões mais comuns são: a Avenida Paulista e Jardins, o Centro da Cidade, a Vila Madalena e Pinheiros. De fato, esses são os bairros que melhor atendem o interesse da maioria dos visitantes, seja em função de turismo ou trabalho.

A seguir, falaremos um pouco das características de cada um desses bairros e daremos sugestões de hotéis para diferentes orçamentos.


Veja também:


Onde ficar em São Paulo: na Avenida Paulista

Onde ficar em São Paulo: Avenida Paulista

Foto: Getty Images

A região mais procurada para se hospedar em São Paulo é sem dúvidas a Avenida Paulista.

Além de polo econômico da cidade, é um local cheio de atrações para os turistas, seja durante o dia ou à noite.

Ficando na Avenida Paulista você terá todo tipo de comércio à sua porta e estará próximo de atrações como o MASP, o Sesc Paulista e a Japan House. Aos domingos, a avenida também fecha para os pedestres e é palco de muitas atividades.

Essa também é considerada uma das melhores regiões da cidade para viver, pois possui fácil acesso a muitos serviços e tipos de transporte. Ficando lá, você não terá problemas para se locomover. 

Algumas das opções de hospedagem no local são:

Econômico
  • A um quarteirão da Avenida Paulista, o Soul Hostel é uma das opções mais baratas da região. Apesar de simples, o hostel é super bem localizado e possui uma ótima estrutura. É ideal para viajantes mais jovens, que vão sozinhas ou com amigos, já que os quartos são compartilhados;
  • Outras boa opção na categoria é o More SP Hostel.
Bom custo-benefício
  • Com mais privacidade, o Travel Avenue Jardins fica a duas quadras da Avenida Paulista e é um apart-hotel com excelente custo-benefício;
  • Apesar dos serviços limitados (característicos da rede), o Ibis Budget Paulista também entra na categoria pelas tarifas amigáveis e localização quase imbatível;
  • Pra quem prefere ter um pouco mais de conforto, o La Residence entra como uma ótima opção.
Luxo
  • A poucos quarteirões do MASP, o Blue Tree Premium Paulista é um 4 estrelas bastante confortável. O hotel oferece café da manhã continental, possui um restaurante, mini spa, piscina e espaços para trabalho. Um dica é tentar ficar nos apartamentos mais altos, pois estes contam com uma excelente vista da Paulista;
  • Já quem quiser investir um pouco mais em luxo, vai gostar da estrutura do Hotel Porto Bay São Paulo ou do aclamado Tivoli Mofarrej São Paulo.

Onde ficar em São Paulo: Jardins

Bairro Jardins

Foto: Getty Images

A própria Avenida Paulista fica, em parte, no Jardins. Mas, adentrando no bairro, você estará em uma das regiões mais nobres de São Paulo.

Restaurantes premiados, lojas de grife, ruas arborizadas e residências de luxo são algumas das características dessa região.

Ainda assim, no Jardins você estará bem localizado, com transporte público e todos os serviços à porta.

O único ponto negativo, neste caso, é o preço das acomodações – naturalmente mais caro. Mas mesmo pra quem precisa economizar, não é impossível encontrar opções que caibam no orçamento.

Econômico
  • Se você deseja pagar pouco e ainda se hospedar em um ótimo bairro, o Did’s Hostel São Paulo é uma boa opção. Bem localizado, o albergue oferece camas em quarto compartilhado com tarifas a partir de R$50;
  • Outra opção bem no coração do Jardins é o FM Hostel, que oferece quartos compartilhados ou privativos e possui um clima bem agradável.
Bom custo-benefício
  • O Ninety Hotel está a uma caminhada de distância da Avenida Paulista e da Oscar Freire, o que permite fazer muita coisa a pé. O hotel também possui um restaurante onde serve as principais refeições.
  • Outra boa opção, mas com tarifas mais altas, é o Regent Park Suite Hotel. Situado bem no meio da Oscar Freire, está perto das muitas lojas e restaurantes da região e, inclusive, sedia o restaurante italiano Picchi, premiado com uma estrela Michelin.
Luxo
  • Pra quem busca conforto, o Radisson Hotel Oscar Freire oferece todos os serviços de um hotel 5 estrelas e é muito bem localizado.
  • Na categoria super luxo, o Hotel Unique é um dos mais exclusivos da cidade, já que além do conforto e bom gosto, possui localização extremamente privilegiada. Outra opção na área que entra na disputa por sofisticação e conforto é o Hotel Fasano.

Onde ficar em São Paulo: Centro

Onde se hospedar em São Paulo no centro

Foto: Joao Tzanno via Unsplash

O Centro de São Paulo é uma ótima opção para aqueles que desejam uma experiência ‘raiz’ na capital paulista.

A região já foi a mais importante da cidade, depois tornou-se abandonada e hoje é local de moradia alternativa entre artistas. Mas, sem dúvidas, será uma experiência mais histórica de São Paulo.

O ponto negativo é que muitos lugares do Centro ainda estão muito mal cuidados e, dependendo da área e do horário, deixam bastante a desejar no quesito segurança.

Por outro lado, as hospedagens no bairro costumam ser mais econômicas. A depender do orçamento e do roteiro, vale a pena se hospedar por ali.

Econômico
  • Charmoso e bem localizado, o Selina Aurora São Paulo possui uma atmosfera super jovem e moderna. Apesar de ser um hostel, também possui quartos privativos que competem com qualquer bom hotel. Além disso, é uma opção econômica no Centro de São Paulo.
  • Outra opção econômica é o Hotel Lugus, que fica a poucas quadras da Praça da República.
Bom custo-benefício
  • O Nomah Luz e o Nomah República (antigos Uotel) ficam em edifícios super novos no Centro de São Paulo e oferecem quartos modernos com alguns utensílios de cozinha à disposição. Bem localizados, ambos estão a poucos passos do metrô;
  • Outras boas opções são o Ibis Styles SP Centro e o B&B Hotels, ambos próximos da estação de metrô Luz.
Luxo
  • Quem busca conforto aliado à estrutura de um hotel 4 estrelas, pode gostar do Nobile Downtown São Paulo, pertinho da Praça da República.

Onde ficar em São Paulo: Vila Madalena e Pinheiros

Hospedagem na Vila Madalena em São Paulo

Foto: C. K. Turistando via Unsplash

Pinheiros é um dos bairros mais bem estruturados e nobres de São Paulo. Colado nele, está Santa Madalena, que é um grande reduto artístico e gastronômico na capital paulista.

Dependendo de onde você estiver, os dois bairros podem até se confundir.

Escolha Pinheiros se quiser um lugar tranquilo para dormir e Santa Madalena se preferir ter dezenas de atrações, cafés e bares à sua porta. A vantagem é que ficando em um dos bairros, dá pra aproveitar tudo que o vizinho oferece a uma caminhada de distância.

E pra quem está com o orçamento apertado, a boa notícia é que a região concentra boa parte dos melhores hostels de São Paulo.

Confira as nossas sugestões de hospedagem em Pinheiros e Vila Madalena:

Econômico
  • Começando pela opção de Hostel mais barata e bem avaliada da região, não dá pra deixar de citar o Ô de Casa. No hostel, espere encontrar um ambiente descolado e alto astral, com bar nas instalações e cheio de gente nova para conhecer. O local oferece camas em quartos compartilhados, mas também várias opções de acomodação para quem quer ter mais privacidade.
  • com ambiente mais familiar, outra opção de hostel na Vila Madalena é o Madá Hostel.
Bom custo-benefício
  • Bem no centro da Vila Madalena, o Hotel Selina Madalena possui um excelente custo-benefício, já que é bem localizado (próximo ao metrô), moderno e bem equipado. Além dos quartos privativos, também há quartos compartilhados para quem quiser economizar.
  • Apesar das tarifas mais altas, o Living Design Vila Madalena vale o preço para quem quer ter mais conforto na estadia. O local possui estúdios e apartamentos bem equipados, com cozinha completa, e ainda conta com piscina e academia.
Luxo

Qual opção escolher?

O segredo para escolher onde ficar em São Paulo se resume aos locais que você visitará (ou trabalhará) e ao seu perfil de viajante.

Para um local mais econômico o centro da cidade será a melhor escolha. Para priorizar localização e facilidade de locomoção, opte pela Paulista.

Se preferir um lugar mais descolado, mas ainda com boa estrutura, a Vila Madalena e Pinheiros serão as melhores opções.

Agora se você estiver em busca de luxo e conforto, sem dúvidas a melhor região é o Jardins.

Tags:    

«
»