TOPO

“Onde se hospedar em Sevilha: melhores bairros e dicas de hotéis”

Apesar de ser uma cidade grande, decidir onde se hospedar em Sevilha não é uma tarefa muito difícil. Isso porque as principais atrações da cidade ficam em zonas muito próximas, na região central. E, justamente por esse motivo, esse também é o local onde se concentra grande parte das acomodações.

Em Sevilha você encontrará inúmeras opções de hospedagens, de todos os tipos e para variados gostos.

Além da localização, é importante pensar no transporte e no seu orçamento. Essa é uma decisão importante, que pode influenciar na sua experiência na cidade. Então, avalie com cuidado para acertar na escolha.

A seguir, você verá algumas dicas que vão te ajudar na decisão. Confira!

ONDE SE HOSPEDAR EM SEVILHA: MELHORES BAIRROS E DICAS DE HOTÉIS

O centro histórico de Sevilha, ou Casco Antiguo, como dizem na Espanha, é a principal região para se hospedar na cidade.

A zona se divide em algumas áreas, sendo Santa Cruz e Arenal as principais. Essa é a escolha ideal para quem quer ficar próximo das atrações, além de bares e restaurantes. Por outro lado, também é a região mais movimentada e cara da cidade.


Veja também:


Se você prefere lugares menos turísticos (e mais econômicos), mas ainda assim próximos do centro, também há boas opções.

A seguir, vamos falar em mais detalhes sobre os bairros e zonas mais recomendados para se hospedar em Sevilha. Na sequência, você também pode conferir as nossas sugestões de hotéis para diferentes orçamentos.

Santa Cruz

Onde se hospedar em Sevilha em Santa Cruz

Foto: Getty Images

Santa Cruz é o antigo bairro judeu de Sevilha e, por si só, já é uma atração. Fica no coração do Casco Antiguo e é cheio de ruas estreitas, construções históricas, bares e restaurantes.

É onde está a maioria das atrações da cidade, incluindo a Catedral de Sevilha. Por isso, é possível fazer praticamente tudo caminhando.

Um aspecto para se levar em consideração é que algumas ruas não podem ser acessadas por carro. Por isso, é melhor para quem pretende conhecer a cidade a pé.

Além disso, por ser um bairro muito central, as acomodações tendem a ter preços mais altos.

Veja as nossas sugestões de hospedagem no bairro Santa Cruz, em Sevilha:

Econômico
  • New Samay Hostel: situado em uma das principais avenidas da cidade, tem localização privilegiada. O Alcázar de Sevillha fica há apenas 500 metros do hostel, enquanto a Catedral está há 10 minutos. Para facilitar, o ônibus do aeroporto para a cerca de 200 metros do local. A recepção funciona 24h e todos os quartos têm ar condicionado e banheiro privativo.
  • TOC Hostel: outra boa opção, está bem no centro de Santa Cruz, a 200 metros da Catedral e a 1 minuto do Alcázar. Ainda há uma estação de ônibus e bonde a 100 metros. É um hostel moderno, com bar e lojas no local. Os quartos contam com banheiro privativo e ar condicionado.

Bom custo-benefício
  • Hotel Patio de Las Cruces: uma boa escolha para quem procura mais privacidade, mas com um bom preço. Tem uma típica arquitetura Andaluz e está no coração de Santa Cruz, perto das atrações, bares e restaurantes. Oferece diversas comodidades e tem ótimo custo-benefício.
  • Hotel Palacio Alcázar: ideal para quem prefere um pouco mais de conforto, é uma residência reformada do século XVIII e está a apenas 100 m da Catedral. Os quartos são bem equipados e confortáveis. Além disso, tem bar, restaurante e várias outras comodidades.

Conforto
  • Halo Boutique Hotel: para quem pode investir um pouco mais, é um hotel 4 estrelas localizado bem no meio do bairro Santa Cruz, próximo das principais atrações da cidade. Moderno e confortável, tem espaço para trabalho e área de lazer com piscina. Também oferece serviços de spa..
  • Hotel Casa Del Poeta: ótima escolha para quem busca mais conforto, é elegante e tem uma localização privilegiada, além de oferecer várias comodidades.
  • Hotel Alfonso XIII: para quem busca uma hospedagem de luxo, este é considerado um dos hotéis mais exclusivos da Espanha. Em um antigo palácio com decoração típica da Adaluzia, o espaço reúne sofisticação a todas as comodidades esperadas de um hotel 5 estrelas. 

 

El Arenal

Melhores hotéis em Sevilha em El Arenal

Foto: Getty Images

Também localizado no centro histórico, El Arenal fica às margens do rio Guadalquivir. Está cercado por diversas atrações, como a Torre del Oro e a Plaza de Toros la Maestranza. Além disso, fica a poucos minutos da Catedral de Sevilha.

Junto de Santa Cruz, figura na melhor área para explorar a cidade a pé.

Para completar, é rodeado por restaurantes e bares típicos, é bem movimentado durante à noite e ideal para quem quer “sair de tapas” como os espanhóis.

Confira as nossas recomendações de hospedagem no bairro:

Econômico
  • La Banda Rooftop Hostel: para ficar numa localização privilegiada e pagar pouco por isso, essa é certamente uma das melhores opções. Situado ao lado da Praça de Touros La Maestranza, está próximo das principais atrações de Sevilha e o ponto de ônibus para o aeroporto fica a 500 m. Tem um terraço amplo, com uma linda vista da Catedral.

Bom custo-benefício
  • Petit Palace Puerta de Triana: está a 400 m da Praça de Touros La Maestranza e a 5 minutos caminhando da estação rodoviária. Você estará perto das principais atrações e poderá fazer tudo a pé. O hotel oferece café da manhã continental e tem várias comodidades.
  • Adriano Boutique Sevilla: outra ótima opção, é um pequeno hotel com decoração elegante, localizado num edifício do século XVIII. Fica a poucos passos de vários pontos turísticos de Sevilha.

Conforto
  • Vincci La Rabida: está instalado numa linda mansão, com pátio andaluz e um terraço com vista para a La Giralda. Ainda conta com 2 restaurantes exclusivos.
  • Hotel Mercer Sevilla: para quem busca mais luxo, o hotel 5 estrelas tem piscina, um belo terraço e restaurante local. Está localizado a 1,1 km da estação rodoviária Plaza de Armas.

 

Alameda de Hércules e Calle Feria

La Macarena em Sevilha

Foto: Getty Images

Localizada entre os bairros San Lorenzo e La Macarena, essa alternativa de onde se hospedar em Sevilha fica um pouco mais afastada das atrações. A Catedral fica cerca de 30 minutos caminhando. É menos turística e mais frequentada pela população local.

A Alameda é uma praça rodeada por bares e restaurantes, onde a noite é sempre muito animada. Já a Calle Feria é uma das ruas mais tradicionais da cidade, com um mercado local e muitos restaurantes.

Como ponto positivo, a área concentra opções de hospedagem mais econômicas do que no centro histórico. Além disso, pode ser uma boa opção para quem está de carro.

Por outro lado, a distância pode ser um incômodo para quem está a pé, principalmente nos meses mais quentes, quando os termômetros facilmente ultrapassam a casa dos 30ºC.

Esses são alguns hotéis que recomendamos:

Econômico
  • Hostel A2C: ótima opção para quem quer curtir a Alameda e pagar pouco. O hostel fica a 200 m da Alameda de Hércules e a 1 minuto da Calle Feria. Os quartos têm banheiro privativo e há opção de café da manhã e translado para o aeroporto.

Bom custo-benefício
  • Sacristia de Santa Ana: é um casarão do século XVIII, com decoração clássica e ótimo custo-benefício. Oferece café da manhã e possui um restaurante, além de outras comodidades.
  • The Corner House: é uma pousada com decoração moderna e casual. Tem um terraço na cobertura, com um bar de coquetéis, e um restaurante no térreo.

Conforto
  • One Shot Palacio Conde de Torrejón 09: o hotel 4 estrelas está localizado numa mansão tradicional andaluz, mas tem decoração moderna. Tem piscina, bar, restaurante e muitas outras comodidades.

 

Triana

Localizada do outro lado do rio Guadalquivir, Triana é o distrito boêmio de Sevilha e berço do flamenco. Tem uma atmosfera única, com muita música típica e uma vida noturna agitada. Você encontrará inúmeras opções de bares e restaurantes.

Como o bairro é grande, dê preferências para as acomodações próximas da Calle Betti, que concentra a maioria dos bares e restaurantes, ou das pontes San Telmo e Isabel II (também chamada de Ponte Triana), que te conectarão com o centro histórico de Sevilha. Aliás, é próximo da segunda ponte que você encontrará o famoso Mercado de Triana, com muitos produtos locais, e uma feira de artesanatos ao ar livre.

Da Ponte de Triana até a Catedral de Sevilha são pelo menos 15 min de caminhada. Por isso, assim como na Alameda e Calle Feria, tenha em mente o quesito locomoção.

Econômico
  • Triana Backpackers: no coração do distrito, está a apenas 150 m do rio Guadalquivir. O hostel tem um terraço na cobertura, com redes, sofás e uma banheira de hidromassagem.

Bom custo-benefício
  • B&B Casa Alfareria 59: ideal para ter um pouco mais de privacidade sem pagar muito. Está a apenas 400 m da Ponte Triana e inclui café da manhã e serviço de lavanderia (uma vez por semana) nas diárias.
  • Ribeira de Triana oferece um pouco mais de conforto por um preço razoável. Dentre as comodidades você encontrará um bom café da manhã (incluso apenas em algumas tarifas), spa, banho turco, piscina e um lindo terraço.

Conforto
  • Zenit Sevilla: é um hotel 4 estrelas ideal para quem busca mais conforto e um pouco de luxo. Moderno e com quartos espaçosos, está próximo do rio Guadalquivir. Tem academia, piscina e um terraço na cobertura, com vista para a Torre Giralda. Além disso, seu restaurante serve culinária típica andaluza.

 

Qual o melhor bairro para se hospedar em Sevilha?

Não existe uma resposta certa para essa pergunta. Afinal, escolher onde se hospedar em Sevilha depende do seu perfil e do objetivo da sua viagem.

Se você prefere ficar perto das atrações e fazer tudo a pé, mesmo que tenha que pagar a mais por isso, então escolha um hotel no centro histórico, em Santa Cruz ou Al Arenal.

Agora, se você gosta mais de lugares descolados, com vida noturna mais agitada, então opte por um hotel na Alameda ou em Triana. Em todos esses lugares você encontrará desde opções econômicas, até as mais confortáveis e luxuosas.

Salve as nossas dicas no Pinterest!

Tags:   

«
»