TOPO

“Melhor época para ir à Lapônia: da Aurora Boreal ao sol da meia-noite”

Aurora Boreal, sol da meia-noite, esportes de inverno ou Natal na terra do Papai Noel? Afinal, quando ir à Lapônia? A resposta para essa dúvida bastante comum é: a melhor época para ir à Lapônia depende do que você quer ver e fazer!

No Círculo Polar Ártico (latitude de 66º33’) – que passa por Rovaniemi, capital da Lapônia – acontece o limite da zona de iluminação solar durante os solstícios. Em termos práticos, isso significa que há 24h de sol no ápice do verão e 24h de escuridão no ápice do inverno.

Com tanta variação, é claro que o clima responderia à altura. Em Rovaniemi, por exemplo, as temperaturas podem oscilar entre abaixo de -30º e acima de +30ºC durante o ano.

No post você vai entender como são as estações do ano na Lapônia e a quais são as melhores épocas para presenciar alguns fenômenos, como a Aurora Boreal ou o sol da meia-noite, e fazer algumas atividades, como praticar esportes de neve ou visitar o Papai Noel.


Planejando uma viagem para a Finlândia? Não esqueça de contratar o seu seguro viagem obrigatório! Faça uma cotação com as melhores seguradoras através da Seguros Promo e use o cupom VIAJAQUEPASSA5 para receber 5% de desconto.


MELHOR ÉPOCA PARA IR À LAPÔNIA: ENTENDENDA AS ESTAÇÕES

Há quem diga que a Lapônia não possui quatro estações, mas oito! Isso se deve às grandes e rápidas variações climáticas que acontecem na região. Como tudo é muito extremo, em pouco tempo é fácil notar bruscas mudanças na paisagem.

Mas tecnicamente podemos falar das quatro estações padrão, com algumas peculiaridades em cada uma delas.

E algo para prestar atenção: como a Lapônia fica no Hemisfério Norte, as estações são opostas às do Brasil. Ou seja: quando no Brasil é inverno, lá é verão; quando no Brasil é primavera, lá é outono… e vice-versa.

Verão na Lapônia

Verão na Lapônia

Foto: Getty Images

O verão na Lapônia é de noites claras, já que no seu ápice o sol não se põe. Em junho e julho as temperaturas médias ficam entre 15º C e 25º C, mas podem até passar de 30ºC.

O dia mais longo do ano acontece no solstício, no dia 21 ou 22 de junho , mas o sol da meia-noite dura quase um mês ao redor dessa data. E quanto mais ao norte, mais extremo ele é.

A Finlândia é conhecida como a terra dos mil lagos (na verdade são mais de 180 mil!) e possui uma natureza vasta, com paisagens fascinantes. Essa é a melhor época para ir à Lapônia e alugar um chalé na floresta, fazer uma roadtrip de motorhome ou acampar.

Aliás, algo bem legal da Finlândia e outros países nórdicos é o chamado “direito de todos os homens“. Isso significa que qualquer pessoa pode explorar as florestas e lagos do país, mesmo nas propriedades privadas. Dá pra caminhar, nadar, e até mesmo colher frutos selvagens. As exceções são as áreas industriais, militares, fronteiriças, plantações, algumas reservas naturais e áreas de residência. Ou seja: dá pra fazer tudo que é permitido pelo bom senso.

Outono na Lapônia

Outono na Finlândia

Foto: Getty Images

Embora agosto ainda seja tecnicamente verão, os termômetros já começam a baixar e não é incomum pegar temperaturas por volta de 10ºC.

No final de agosto as noites já começam a escurecer e, com sorte, é possível ver as primeiras auroras. Mas é em setembro, perto do equinócio de outono, que elas costumam ficar mais intensas. Aliás, setembro é o mês preferido de muitos “caçadores de Aurora Boreal”.

Em meados de setembro também é quando acontece a ruska, palavra finlandesa usada para descrever a mudança de cores das folhas. Nessa época as florestas da Lapônia ficam alaranjadas e ainda mais bonitas.

Entre outubro e novembro deve cair a primeira neve. Essa primeira neve não costuma firmar – geralmente dura alguns dias e depois derrete. Por isso, ainda não é o período ideal para quem deseja praticar esportes de inverno, embora a situação varie a cada ano.

Inverno na Lapônia

Inverno na Lapônia

Lapônia no ápice do inverno, no alto das montanhas de Levi

O inverno começa oficialmente na semana do Natal. Porém, desde o começo de dezembro ele já pode ser sentido. Todo ano o inverno é diferente, mas em geral a temperatura fica abaixo de -10ºC em dezembro e abaixo de -15ºC em janeiro e fevereiro. O mês mais frio é janeiro, quando os termômetros batem facilmente -30ºC.

Se você for viajar nessa época para a Lapônia, não deixe de ler o meu post sobre como se vestir no frio extremo.

O Natal é uma data especial em Rovaniemi, a cidade oficial do Papai Noel. Mas justamente por isso, é alta temporada na Lapônia e o preço das coisas vai às alturas.

Dezembro e janeiro também são os meses mais escuros do ano. E, se por um lado esse é um fator positivo para a observação da Aurora Boreal (com ressalvas – falo disso mais adiante), também acaba atrapalhando na realização das atividades diurnas. 

Porém, nesse período é possível fazer praticamente todas as atividades de inverno na Lapônia. 

Primavera na Lapônia

Primavera na Finlândia

Foto: Getty Images

Embora a primavera chegue oficialmente no final de março, o clima ainda é de inverno durante todo o mês. Em março a temperatura média varia entre -5 e -15ºC. Apesar de frio, não é tão rigoroso como no ápice do inverno e há muita neve acumulada. Os dias já estão mais longos, mas as noites ainda são escuras, permitindo a observação das luzes do norte. Aliás, março costuma ser um dos melhores meses para ver a Aurora Boreal.

Em abril a neve começa a desaparecer e os lagos congelados derretem. A partir da segunda metade de abril já está claro demais para ver a Aurora Boreal.

em maio a curta primavera da Lapônia realmente aparece. As florestas começam a florir, a temperatura beira os 20º C e as noites ficam claras.

MELHOR ÉPOCA PARA VER AURORA BOREAL NA LAPÔNIA

Melhor época para ver Aurora Boreal na Lapônia

Minha primeira Aurora Boreal na Lapônia (era final de outubro). Foto pelo amigo e caçador de auroras Filippo Dias

Você já deve ter ouvido falar que para ver a Aurora Boreal é preciso viajar no inverno. Mas isso é um mito!

Na Lapônia finlandesa, a Aurora Boreal pode ser vista cerca de 200 noites por ano. A temporada de Aurora Boreal dura do final de agosto ao começo de abril. Ou seja: todo o período em que as noites são escuras. Por isso, o maior desafio é conseguir pegar o céu limpo, sem nuvens.

Mas porque muitas pessoas dizem que o inverno é a melhor época para ir à Lapônia ver Aurora Boreal?

O que acontece é que uma das condições para conseguir ver as luzes do norte é o escuro absoluto. É uma questão lógica: a Aurora Boreal acontece durante o ano todo e em qualquer hora do dia, mas se não está escuro o suficiente, é impossível vê-la. Então, como no inverno as noites são mais longas, maiores são as chances de ela aparecer, certo? Em tese, sim.

Porém, falando especificamente da Lapônia finlandesa (porque existem diversos microclimas em outras regiões do extremo norte), há um importante fator a ser considerado no inverno: a umidade do ar é significativamente mais alta. Trocando em miúdos, as chances de pegar o céu encoberto é maior nesse período, dificultando a visibilidade da Aurora Boreal.

Outro pontos a serem considerados no inverno: é alta temporada, então tudo fica mais caro; o frio é extremo, podendo chegar a temperaturas abaixo de -30ºC; e os dias são muitos curtos, atrapalhando a realização de outras atividades.

Por isso, na minha humilde opinião – e na de vários caçadores de Aurora Boreal -, a melhor época para ir à Lapônia ver as luzes do norte é no começo do outono e entre o final do inverno e começo da primavera.

Particularmente, eu recomendaria setembro pra quem quer prefere temperaturas mais amenos e março para quem quer conciliar a viagem com atividades de inverno.

Mas lembre-se que estamos falando de um fenômeno natural e que, independentemente da época do ano, nada é garantido. Alinhe as expectativas e, de preferência, se planeje para ficar pelo menos quatro noites se o seu objetivo é ver Aurora Boreal.


Leia também:


NATAL NA LAPÔNIA? QUANDO VISITAR A VILA DO PAPAI NOEL EM ROVANIEMI

Escritório do Papai Noel em Rovaniemi, na Lapônia

Escritório do Papai Noel na sua melhor versão: à noite (era 16h) e com neve

Todos os anos, milhares de pessoas viajam até a Lapônia com um objetivo: dar um abraço ou fazer um pedido ao bom velhinho.

O escritório oficial do (supostamente verdadeiro) Papai Noel fica em Santa Claus Village, na cidade de Rovaniemi.

Confira nossos posts sobre como ir de Helsinki a Rovaniemi e como ir do Aeroporto de Rovaniemi até o seu hotel

Durante o advento acontecem alguns eventos na cidade e na própria Santa Claus Village. O mais especial acontece no dia 23 de dezembro, quando o Papai Noel encena a sua saída com o trenó puxado por renas, para a entrega dos presentes pelo mundo.

A partir do começo de dezembro, o centro de Rovaniemi também é decorado para o natal.

Mas o que muita gente não sabe é que o escritório do Papai Noel fica aberto 365 dias por ano. Por isso, em qualquer época do ano é possível fazer a visita.

E, pra falar a verdade, a Santa Claus Village (ou Aldeia do Papai Noel) não muda muito durante o ano, com exceção da grande árvore de natal que é montada em dezembro.

Claro que há um clima especial na época do natal e, na minha opinião, principalmente quando há neve por lá. Mas quem visita em outros meses não se decepciona.

Além disso, o ponto positivo de viajar fora do natal é que as coisas ficam mais baratas – ou “menos caras”, afinal estamos falando da Finlândia. Natal é alta temporada na Lapônia e hotéis, por exemplo, chegam a ficar 5 vezes mais caros no período.

MELHOR ÉPOCA PARA PRATICAR ESPORTES DE NEVE NA LAPÔNIA

Esportes de inverno na Lapônia

Que tal uma volta de snowmobile?!

A Lapônia oferece uma infinidade de atividades de inverno.

Dentre os esportes de neve, os mais populares são o ski alpino e ski nórdico, snowboard, snowmobiling, fatbike e escalada no gelo.

Para quem procura por ski alpino ou snowboard, existem algumas estações para escolher. As melhores são a de Levi e a de Ruka (que não fica exatamente na Lapônia, mas está próxima).

Para quem pratica ski nódico (cross country), existem pistas livres tanto nas estações de ski quando em parques espalhados por toda a Lapônia.

As estações de ski costumam abrir no final de outubro. Porém, quando ainda não há neve suficiente, são abertas poucas pistas e usada neve estocada da temporada anterior. A alta temporada nas estações acontece de dezembro a fevereiro, mas até o começo de maio ainda é possível encontrar estações abertas.

Outras atividades de inverno bem típicas incluem pesca no gelo, sauna + banho em lagos congelados, passeio de trenó com renas, visita a castelos de gelo e passeio em navio quebra-gelo no Báltico.

Como as demais atividades são mais dependentes do clima, as temporadas variam ano a ano. No geral, os pequenos lagos começam a congelar em outubro ou novembro, enquanto rios e o mar Báltico só vão ter uma camada considerável de gelo lá por janeiro. O gelo continua firme em média até março, quando as temperaturas ainda estão negativas.

Os castelos e hotéis de gelo costumam ser montados entre dezembro e janeiro e duram enquanto perdurar as temperaturas negativas.

Já as demais atividades que exigem neve podem acontecer entre o final de outubro e começo de maio, desde que – é claro – tenha nevado.

No geral, a melhor época para ir à Lapônia praticar esportes e atividades de neve é entre dezembro e março.

QUANDO VER O SOL DA MEIA-NOITE NA LAPÔNIA

Sol da meia noite na Lapônia, Finlândia

Foto: Getty Images

Como dito acima, o dia mais longo do ano acontece no solstício de verão, por volta do dia 21 ou 22 de junho (a data exata muda a cada ano). De um modo geral, no período de 1 mês que circunda essa data o sol não sumirá no horizonte.

Porém, a latitude influencia no fenômeno. Em termos práticos: quanto mais ao norte, mais claras as noites serão durante o verão. Por isso, o sol da meia-noite dura mais tempo em Inari, no norte da Lapônia, do que em Rovaniemi, no sul da Lapônia.

De qualquer modo, a melhor época para ir à Lapônia ver o sol da meia-noite será sempre entre junho e julho.

 

Gostou das dicas? Não deixe de ler os demais posts sobre a Lapônia!

Tags:         

«
»