TOPO

“Como ir do Aeroporto Gatwick até o centro de Londres”


O aeroporto de Londres Gatwick (LGW) é o segundo maior terminal aéreo da Inglaterra e recebe por ano cerca de 40 milhões de passageiros. Dentre eles, milhares de brasileiros que chegam, principalmente, em voos que passaram por conexões em alguma cidade da Europa.

Esse é o seu caso? Então veja neste artigo como ir do aeroporto Gatwick para o centro de Londres. Nele listamos as principais opções de transportes disponíveis para o trajeto. Confira abaixo!

sumáriodivisor sumário

COMO IR DO AEROPORTO GATWICK PARA O CENTRO DE LONDRES

A cerca de 44 km do centro de Londres, quem desembarca pelo aeroporto de Gatwick encontra diversas alternativas de transporte para realizar esse percurso.

Uma vez na região central, você terá fácil acesso aos principais bairros e pontos turísticos da cidade, como por exemplo Westminster e Covent Garden, que são dois ótimos distritos para se hospedar, inclusive.

O tempo de trajeto entre esses dois pontos varia bastante conforme o trânsito e transporte escolhido. Hoje, os principais meios de locomoção para ir de Gatwick até o centro de Londres são trem, ônibus, táxi, carro de aplicativo e transfer privativo.

Abaixo explicaremos cada um deles:

Trem expresso (Gatwick Express)

Trem Gatwick Express em Londres

Foto: R~P~M via Flickr

Dentro do aeroporto de Gatwick existe uma estação de trem de onde parte uma linha expressa chamada Gatwick Express. Essa é uma ótima opção para quem não quer gastar muito e busca por um meio de transporte rápido.

Isso porque o percurso até a estação Victoria, localizada no centro da cidade e destino final do trem, leva em torno de 30 minutos e custa a partir de £20,50 se comprada online.

Nos guichês do aeroporto ou diretamente com seu cartão de débito ou crédito por aproximação, o bilhete custará um pouco mais caro, a partir de £22,90.

Uma vez na estação ferroviária Victoria, você poderá usar o metrô para acessar outras regiões de Londres caso necessário. Essa estação se conecta com três linhas do metrô londrino: Victoria (azul clara), District (verde) e Circle (amarela).

O Gatwick Express funciona diariamente das 5h40 às 23h10 e há partidas a cada 30 minutos. Lembrando que o fato de ser um serviço expresso significa que ele não faz paradas no caminho entre o ponto de embarque e de desembarque.


Leia também:


Trem comum

Trem do aeroporto Gatwick parado em estação de Londres

Foto: Getty Images

Da mesma estação de trem do aeroporto de Gatwick que parte a linha expressa, partem também trens comuns com destino a diferentes estações ferroviárias de Londres (centrais ou não).

Eles são operados por duas empresas, a Southern Railway e a ThamesLink.

Southern Railway: do Aeroporto Gatwick para a estação Victoria

A Southern Railway faz o exato mesmo percurso que a Gatwick Express, ou seja, do aeroporto até a estação Victoria sem paradas intermediárias.

Em resumo, há duas diferenças entre elas. A primeira diz respeito ao espaço, já que os vagões da linha expressa acomodarão melhor as bagagens. A outra diferença é o preço!

Entre às 7h e às 19h, pagando sua passagem da Southern Railway com seu cartão de débito ou crédito por aproximação direto nas catracas, ela sairá por £18,40 (online ou nos guichês da estação custará a partir de £20,40).

Já para as saídas das 5h às 7h e das 19h à meia noite, a passagem sairá por £10 no cartão por aproximação (no site ou direto na bilheteria local custará a partir de £14).

Em outras palavras, os trens da Southern Railway são mais baratos do que os da Gatwick Express. A companhia opera o trajeto diariamente das 5h28 às 23h54.

ThamesLink: do Aeroporto Gatwick para outras estações de Londres

Já a companhia ThamesLink liga o aeroporto de Londres Gatwick a outras estações ferroviárias da cidade. Dentre elas estão a London Bridge, a St Pancras International, a City Thameslink, a Farringdon e tantas outras.

Assim, caso seu ponto de desembarque em Londres seja próxima a uma das estações de trem atendidas pela ThamesLink, essa opção será a mais conveniente para você.

Você pode confirmar essa alternativa simulando seu trajeto do aeroporto até seu hotel ou destino final no Google Maps. Ele dará o melhor percurso indicando qual trem utilizar e em qual estação descer. O aplicativo ainda apontará eventuais baldeações, caso seja necessário pegar também o metrô.

Diferente da Southern Railway e da Gatwick Express, as passagens da ThamesLink não variam em razão do método de pagamento (seja ele com cartão por aproximação, através site oficial ou nas máquinas da estação).

O valor, assim como o tempo de percurso, mudará conforme o destino final escolhido. Entre Gatwick e a estação St. Pancras, por exemplo, a viagem custa £14,40 e leva cerca de 1 hora. Já o bilhete até a estação London Bridge custa £13,80, com um trajeto que leva de 30 a 50 minutos.

Os trens da companhia começam a circular partindo de Gatwick às 4h20, diariamente, e encerram as operações à meia noite.

Ônibus

Ônibus da linha

Foto: Getty Images

O ônibus é a forma mais econômica de fazer o trajeto do aeroporto de Londres Gatwick até o centro. Em contrapartida, é também a mais demorada.

A empresa que opera o trajeto é a National Express. Os ônibus partem do terminal sul do aeroporto, fazem uma parada para embarque no terminal norte e, por fim, seguem até a estação Victoria.

Algumas linhas param no aeroporto de Heathrow e, nele, os passageiros devem trocar de ônibus para seguir até o destino final.

O percurso total leva de 2h30 a 3 horas e o valor das passagens muda conforme a antecedência da compra. No geral, elas variam de £3,30, quando compradas com mais de três meses de antecedência, a £40,00, se compradas em cima da hora.

A melhor alternativa é comprar online o quanto antes e, após selecionar o horário, escolher pela passagem flexível. Ela é um pouco mais cara, mas dá direito a remarcação sem custo. Assim, você fica protegido caso tenha alterações no voo ou até mesmo atrasos.

O primeiro ônibus parte do aeroporto às 3h35 e o último às 23h45 todos os dias.

Táxi

Fila de táxis em rua de Londres

Foto: Getty Images

Para quem preza pelo conforto – e não pela economia – o serviço de táxi pode ser uma boa opção. Isso porque ele é eficiente e prático para quem acaba de desembarcar na cidade.

Ele também é ideal para quem está com muitas bagagens e quer descer exatamente no endereço do hotel sem precisar se preocupar com baldeações, sobe e desce de escadas em estações de metrô ou caminhadas.

Porém, o táxi não irá escapar do trânsito londrino. Portanto, calcule de 1h30 a 2 horas para o tempo da corrida entre o aeroporto e o seu hotel.

Com relação aos valores, tudo dependerá da distância e do trânsito no momento da viagem. Mas para se ter uma ideia, o percurso de Gatwick até a estação Victoria irá custar por volta de ₤100.

Carro de aplicativo (Uber)

Carro de aplicativo no aeroporto Gatwick

Foto: Getty Images

O Uber, bastante forte em Londres, é uma boa alternativa para quem busca conforto mas não quer pagar tanto nos táxis.

O aplicativo do Uber em Londres é o mesmo que usamos no Brasil. Portanto, ao chegar no aeroporto basta abrir o app e colocar o destino final para chamar um motorista. Caso você não possua um chip internacional ou serviço de roaming, o próprio aeroporto dispõe de Wi-Fi gratuito.

Para ter uma noção de preços, fiz uma simulação entre o Aeroporto de Londres Gatwick e a estação Victoria e o valor da corrida ficou em ₤63.

Entretanto, como as tarifas são flutuantes, saiba que o preço pode mudar bastante dependendo do dia e horário.

Transfer privativo

Transfer aeroporto Londres Gatwick

Foto: Pexels

Finalmente, a última forma de ir do aeroporto de Gatwick até o seu hotel é com um transfer privativo.

Essa é outra excelente opção para quem prioriza o conforto e não deseja nem mesmo se preocupar em chamar um Uber ou ir até o táxi. Isso porque, nesse tipo de serviço, você combina o transporte previamente e o motorista irá ao seu encontro na área de desembarque.

O transfer privativo é oferecido por diversas empresas e até mesmo por alguns hotéis, por isso os valores mudam muito de acordo com o prestador do serviço, tipo de veículo e outras variantes.

No serviço oferecido pela Civitatis, por exemplo, o custo parte de ₤119,30 para grupos de até 3 pessoas, havendo também opções de carros maiores para grupos.

USANDO O TRANSPORTE PÚBLICO EM LONDRES

Metrô de Londres

Foto: Felix Hanspach via Unsplash

Ao usar um dos serviços de trem ou o ônibus para sair do aeroporto de Gatwick, muito provavelmente você deverá completar o trajeto até o seu destino final com um outro transporte.

Você pode pedir ou um Uber ou um táxi, que garantirão bastante conforto principalmente se você estiver com malas. Mas você também pode usar o eficiente transporte público londrino, composto por metrô, ônibus e trens.

O metrô, sem dúvida, é o mais utilizado. Além de rápido, ele cobre os principais pontos turísticos da cidade, bem como as principais zonas hoteleiras.

Uma medida que tornou o uso do transporte ainda mais fácil, principalmente para os recém-chegados, é que agora não é preciso adquirir o famoso Oyster, cartão pré-pago que era essencial para embarcar no transporte público de Londres. Isso porque as catracas do metrô passaram a aceitar cartões de crédito ou débito por aproximação.

A dica para checar qual transporte usar no seu deslocamento, tanto quando finalmente colocar seus pés na cidade quanto durante a sua viagem, é ter no seu celular os aplicativos Google Maps, Moovit ou CityMapper (vale a sua preferência pessoal). Eles traçam a melhor rota a partir do seu ponto de partida.

No nosso guia sobre o transporte público de Londres você confere mais detalhes sobre essas opções, bem como valores e dicas sobre o sistema de pagamento.

QUAL A MELHOR OPÇÃO DE TRANSPORTE ENTRE O AEROPORTO GATWICK E O CENTRO DE LONDRES?

Quem desembarca em Londres pelo aeroporto de Gatwick encontra opções variadas para percorrer o trajeto até o centro de Londres ou o seu hotel.

O trem é a opção com melhor custo-benefício, já que é rápido, prático e tem tarifas razoáveis. Caso o objetivo seja economizar, use o ônibus e compre sua passagem com alguma antecedência. Porém, tenha em mente que o percurso será longo devido ao trânsito londrino.

Agora, se o desejo é conforto total, o táxi, o Uber ou o transfer privativo serão as melhores alternativas. No entanto, tenha em mente que os preços são mais salgados e eles, assim como os ônibus, estarão sujeitos ao tráfego intenso da cidade.

Você sabia?

O Viaja que Passa ganha uma pequena comissão a cada reserva que você faz através dos links dos nossos parceiros. Você não paga nada a mais por isso e nos ajuda a continuar publicando conteúdos autorais e imparciais para ajudar na sua viagem!

Tags:  

«
»